Absu anuncia fim das atividades
Foto: Reprodução/Facebook

Absu anuncia fim das atividades

Leia nota oficial do líder Proscriptor abaixo

Por Luiz Athayde

Após 30 anos quase ininterruptos, o Absu anunciou o encerramento das atividades. O vocalista, baterista e mentor da banda Proscriptor McGovern disse em nota oficial:

“Após deliberação escassa e remorso zero, decidi dissolver o ABSU após três décadas de existência. Coletiva e universalmente falando, essa decisão é finita devido a circunstâncias insolúveis, o que levou a esse resultado final. Nenhuma quantidade de tempo, esforço, fórmula ou moda pode alterar meu veredicto.

Me recusando a comentar mais sobre o assunto, vos deixo o seguinte encantamento:

{Vii} Porque há águas amargas do Caos imóveis sob o solo – e os Soberanos, que os personificam, reinam sobre opacidades e além.

[II] Provisões a todos os que comem na escuridão, fora dos círculos do tempo. No truque do Caos, o Profundo responderá.”

{Vi} Nunca apague a Vela Oriental –
Proscriptor McGovern (Russ R. Givens)

Conhecido como um dos grupos mais cult da esfera do metal extremo, o Absu – nome extraído da mitologia suméria – tem gênese oficial em Plano, Texas, no ano de 1991; embora no fim dos anos 1980, ainda se chamasse Dolmen.

Desde então, Russ Givens ou simplesmente Proscriptor, vinha disseminando através de álbuns, demos, splits e EPs underground adentro, mensagens carregadas de mitologias, simbolismos e afrontamento ao status quo, em uma mescla única de Black Metal, Thrash Metal, Folk, Progressivo e até elementos de Jazz que resultou em vários seguidores ao redor do mundo.

Além do Absu, Proscriptor possui uma vasta credencial envolvendo colaborações em outros projetos e bandas, sendo com os israelenses do Melechesh (tocando bateria), sua parceria mais bem sucedida.

Foi uma das bandas mais aclamadas em sua passagem pelo Brasil em 2016, na época ainda divulgando o álbum Abzu, de 2011.

Deixe um comentário