Patti Smith lembra Amy Winehouse: “Gênio singular”

Em poema postado no Instagram, a nova-iorquina homenageia a cantora britânica falecida em 2011

Por Luiz Athayde

Em 2012 a cantora, compositora, fotógrafa, escritora e, sobretudo poetisa Patti Smith lançou o álbum Banga, onde homenageava a cantora britânica Amy Winehouse, falecida há 8 anos em decorrência de uma ingestão excessiva de bebidas alcóolicas, resultante de uma recaída.

Tomada por lembranças, Smith postou um emocionado poema em seu Instagram, onde revelava “a emoção de estar viva tingida pela esfumaçada dor da perda”.

“Acordei cedo e estou escrevendo com [a música de] Amy Winehouse tocando bem alto. Sua voz perfeita mantém a beleza emocional em qualquer volume. Deixo a caneta de lado e me rendo ao seu gênio criativo singular, capaz de criar doses iguais de abandono e desgosto.”, continua.

A lendária poetisa de 72 anos se prepara para debutar em terras brasileiras encabeçando o Popload Festival, que irá acontecer no dia 15 de novembro no Memorial da América Latina, São Paulo, que ainda terá Beitut, The Raconteurs, Hot Chip alguns atos emergentes da cena indie nacional.

Deixe um comentário