Duo darkwave Lost Lenore estreia com o single “Medo”

Projeto nortista se encontra em processo criativo para futuro EP

Por Luiz Athayde

E mais um projeto darkwave surgiu das sombras: Lost Lenore.

Com nome extraído de um conto de Edgar Allan Poe, o duo composto pela musicista roraimense Bianka Tarolla e o produtor amazonense Augusto Batcave (também atuante no Misfortune Deep, de Manaus) apresentaram recentemente o single de estreia “Medo”.

Sua gênese data de outubro desse ano, e a ideia veio através de uma performance de Bianka. “Temos um amigo em comum que publicou um vídeo meu cantando, o Augusto viu e acabou tendo essa ideia de me chamar pra fazer uma parceria”, disse a vocalista, que reside em Boa Vista.

Bianka Tarolla (Reprodução/Facebook)

A dupla também referenda, ao modo autoral, claro, tanto nomes clássicos quanto emergentes do cenário pós-punk/synthpop. A vocalista continua:

“As nossas influências musicais são as mais diversas. As que escolhi pro estilo de voz do Lost Lenore foi algo numa pegada mais parecida com Lebanon Hanover, Hante, Selofan (exemplos de vocal feminino bem soturno e atmosférico)”, revela. “As influências de instrumental do Augusto vão desde New Order, passando por Twin Tribes, Cold Cave e Depeche Mode, e que até mesmo o fizeram desenvolver a grande paixão pelos sintetizadores. E é essa mistura maravilhosa de influências que tentamos passar no nosso trabalho.”

Sobre o processo criativo, ela conta mais: “Augusto costuma fazer esboços de instrumentais pra que alguma letra seja colocada em cima, e assim é bem legal de trabalhar. Depois que a letra é feita, ele dá uns ajustes e faz umas mágicas ali, e deixa tudo perfeito”.

Já especificamente sobre essa composição, ela comenta:

“Ele me mandou um esboço do instrumental da música, e eu fiz a letra me inspirando em algumas coisas que escrevi no passado. Gosto bastante de escrever sobre meus sentimentos e deixar guardado, porque sei que algum dia pode virar arte.”

Há bons anos muitas formações do pós-punk em geral vêm lançando mão de um certo “delay” entre um lançamento e outro. Pelo fato da grande maioria trabalhar de forma independente, ou seja, sem a pressão da uma gravadora por trás, o tempo de espera acaba sendo comum.

E com eles não parece ser diferente. “Pretendemos lançar um EP quando conseguirmos deixar mais músicas prontas, mas por enquanto, sem previsão. Ainda estamos no processo de criação.”

Por ora, é ouvir um dos singles mais bacanas surgidos nesses últimos meses e, “medo” mesmo, só de não lançarem mais nada. Confira abaixo:

Mais Lost Lenore pode ser conferido nos links:

Facebook
Instagram
Youtube

Deixe um comentário