You are currently viewing Madonna sobre Michael Jackson: “Não sou de linchamentos. É inocente até que provem o contrário”

Madonna sobre Michael Jackson: “Não sou de linchamentos. É inocente até que provem o contrário”

A cantora não viu o documentário “Leaving Neverland

Por Luiz Athayde

Com as acusações de abuso sexual feitas por Wade Robson e James Safechuck no documentário “Leaving Neverland” ainda pairando sobre Michael Jackson, Madonna resolveu se pronunciar, embora não tenha assistido.

À edição britânica da revista Vogue, ela defende: “Não sou de linchamentos. É inocente até que se prove o contrário”. “Já me acusaram de tantas coisas mentirosas. A minha atitude quando as pessoas me dizem algo é: vocês podem provar?”, acrescentou.

Ao ser perguntada se os dois rapazes poderiam provar o abuso, Madonna respondeu: “Eu acho que seria uma recontagem dos eventos reais – mas, é claro, as pessoas às vezes mentem. Então eu sempre digo o que as pessoas querem com isso”.

Há pessoas pedindo dinheiro, existe algum tipo de extorsão acontecendo? Eu levaria todas essas coisas em consideração.”

Não é a primeira vez que Madonna defende Michael Jackson. Em 2009 por exemplo, ela fez um discurso tocante em homenagem ao recém falecido cantor, revelando que seus filhos, então com 9 e 4 anos de idade, eram obcecados, de um modo positivo por Michael.

Anos depois de terem ido ao Oscar juntos em 1991, Madonna ainda disse que foi “o melhor encontro de todos os tempos”.

Please follow and like us:
Faça sua doação para incentivar nossos redatores.

Deixe um comentário