Depeche Mode: banda é introduzida no Rock & Roll Hall Of Fame

“Obrigado a todos os promotores que arriscaram em apostar em um bando de esquisitos de Essex, e todos os idiotas que não fizeram isso”

Por Luiz Athayde

O Depeche Mode enfim entrou para o Rock & Roll Hall of Fame. Em cerimônia de caráter virtual, Dave Gahan, Martin Gore e Andrew Fletcher foi apresentado pela atriz Charlize Theron e homenageado através de depoimentos de bandas como Coldplay e Arcade Fire.

A transmissão ocorreu pela HBO, onde o trio começou o discurso dizendo: “Enquanto crescíamos, ouvir música nos ajudou a sentirmos normais, a fazer parte de algo importante”. E também deram ênfase da mesma em tempos de pandemia. “A música une as pessoas e só Deus sabe como precisamos dela hoje, mais do que nunca”, disse Gahan.

O clima foi regado a descontração, quando Gahan comentou “não saber o que estaria fazendo se não tivesse encontrado a música”. Fletcher retrucou: “Você estaria roubando carros, Dave”.

Nos agradecimentos também não poderia faltar os membros da “Família Depeche Mode”, que foram fundamentais para a história da banda, como os ex-integrantes Vince Clarke e Alan Wilder, bem como o fundador da Mute Records Daniel Miller e Anton Corbijn, “que, graças a Deus, veio na hora certa e nos fez parecer legais”, disse o vocalista; além de “todos os promotores que arriscaram em apostar em um bando de esquisitos de Essex, e todos os idiotas que não fizeram isso”.

Além do Depeche Mode, também fazem parte da classe de 2020 do Rock & Roll Hall of Fame Nine Inch Nails, Doobie Brothers, Notorious B.I.G. e T.Rex.

Assista abaixo o discurso da banda:

Deixe uma resposta