Morre Richard H. Kirk, líder do Cabaret Voltaire, aos 65 anos
Foto: Imprensa

Morre Richard H. Kirk, líder do Cabaret Voltaire, aos 65 anos

Músico e produtor inglês foi um dos mais influentes de sua geração

Por Luiz Athayde

Morreu o lendário artista britânico Richard H. Kirk, conhecido por liderar a banda eletrônica e líder do Cabaret Voltaire. A causa da morte não foi revelada. Ele tinha 65 anos.

A notícia foi confirmada no perfil oficial da Mute Records em comunicado: “É com grande tristeza que confirmamos que nosso grande e querido amigo, Richard H Kirk faleceu. Richard foi um grande gênio criativo que conduziu um caminho singular e impulsionado ao longo de sua vida e carreira musical. Sentiremos muita falta dele. Pedimos que respeitem a privacidade da família neste momento.”

Não apenas genial, como pioneiro; Kirk dedicou sua vida à música eletrônica de caráter experimental. Tendo inicialmente Stephen Mallinder e Chris Watson como companheiros de banda, gerou o Cabaret Voltaire em 1973, como uma forma de dar vazão às sua criatividade inspirada pelo dadaísmo, através de experimentos que vão desde o uso de tapes a máquinas feitas à mão.

Já em 1979 engata o hit “Nag Nag Nag”, e em 1981 lança o álbum Red Mecca, que além de ser o maior clássico de sua extensa discografia, é um dos mais influentes.

Ainda nos primeiros anos, a banda era associada ao Joy Division, já que várias vezes dividiram os palcos. A proximidade era tamanha que inclusive os lucros dos shows era dividido entre as duas bandas, e em certa ocasião o saudoso Tony Wilson, mentor da Factory Records, tentou assinar com eles, mas a formação Sheffield optou pela Rough Trade.

Ao longo dos anos 80, a sonoridade tomou formas mais palatáveis, ganhando uma parcela maior de público. Álbuns como Micro-Phonies (1984) e Code (1987)  flertavam com o electro e o synthpop.

O último disco de estúdio saiu em 2020. Shadow of Fear  foi o primeiro registro em mais de 25 anos, e também tendo Kirk comandando o barco sozinho, como músico e produtor.

Deixe um comentário