Morre LG Petrov, icônico vocalista da banda sueca de death metal Entombed, aos 49 anos

Músico vinha de uma árdua batalha contra o câncer

Por Luiz Athayde

O universo metálico acabou de sofrer mais uma baixa. Lars-Göran Petrov, mais conhecido como LG Petrov, vocalista da banda de death metal Entombed, faleceu nesta segunda (8) aos 49 anos, após perder a batalha para o colangiocarcinoma, uma forma rara, mas agressiva de câncer no ducto biliar.

Não se sabe há quanto tempo o músico enfrentava a doença, mas em agosto do ano passado a notícia veio a público através de um comunicado de sua nova banda, o Entombed A.D. (formada em 2014 após a separação com os outros membros do Entombed), dizendo que ele se encontrava em tratamento de quimioterapia contra um câncer.

Agora, seus companheiros compartilharam nota pelo Facebook, confirmando seu falecimento.

⁣We are devastated to announce that our beloved friend Lars-Göran Petrov has left us.⁣⁣ ⁣⁣⁣⁣ Our brother, leader,…

Publicado por Entombed A.D. em Segunda-feira, 8 de março de 2021

A mesma diz:

Estamos devastados em anunciar que o nosso amado amigo Lars-Göran Petrov nos deixou.

Nosso irmão, líder, vocalista, nosso Chief Rebel Angel deu sua última cavalgada ontem. É com profunda tristeza que temos que anunciar que ele nos deixou. Ele era (é!!!) um amigo incrível, e uma pessoa que tocou tantas pessoas. Ele mudou tantas vidas com sua voz, sua música, seu caráter e sua personalidade única. O sorriso do LG é algo que vamos carregar para sempre em nossos corações. Em uma entrevista, quando lhe foi perguntado o que ele gostaría de ter escrito em sua sepultura e qual seria o seu legado, ele disse ‘Eu nunca vou morrer, nunca irá morrer’. E você não morreu. Você viverá para sempre em nossos corações.

R.I.P. LG Petrov.”

O vocalista de RG sueco, mas também de origem macedônia era considerado uma das figuras mais carismáticas do cenário do chamado “metal extremo”. Com um currículo que envolvia uma série de colaborações com outras bandas relacionadas, a jornada de LG Petrov começou a ter visibilidade graças às suas passagens pelas bandas Morbid e Nihilist, que posteriormente mudaria seu nome para Entombed.

Foi com esta última que ele e seus companheiros ajudaram a moldar este, que é um dos vários subgêneros do heavy metal, para uma nova fórmula, que incluía especialmente as produções discográficas, em uma sonoridade bem característica, que logo foi chamada de “death metal sueco”.

Na sua discografia à frente da banda, destacam-se os álbuns Left Hand Path  (1990) e Wolverine Blues (1993), sendo que este último obteve grande sucesso em função dos flertes com o classic rock e massivas exibições na MTV do videoclipe da faixa título, inspirada no icônico personagem da Marvel.

Deixe um comentário