Robert Fripp (King Crimson) reclama créditos por “Heroes”, de David Bowie

Robert Fripp (King Crimson) reclama créditos por “Heroes”, de David Bowie

Guitarrista, que tocou no álbum, também entrou na justiça para obter direitos sobre “Scary Monsters”

Por Luiz Athayde

O guitarrista e líder do King Crimson Robert Fripp entrou em uma disputa judicial com os representantes de David Bowie para reclamar direitos sobre os álbuns Heroes (1977) e Scary Monsters (1980), lançados por Bowie. Fripp, que participou ativamente como músico contratado, sentiu que seu nome não foi devidamente creditado como “artista de destaque” nos trabalhos do artista inglês.

“Estes créditos como músico contratado é apoiado por Brian Eno, Tony Visconti, o próprio David Bowie (embora a terminologia ainda não estivesse em uso) e o Tribunal de Opinião Pública por quatro décadas”, disse Fripp, ainda alegando “injustiça histórica”, se referindo as regras de licenciamento do Reino Unido. E continua: “Há um pequeno número de participantes cujo objetivo é ação ética nos negócios; não direcionar a indústria para promover seus próprios interesses pessoais; essas afirmações são suportadas por décadas de documentação.”

Fripp, Bowie e Eno no estúdio

Segundo a Rolling Stone americana, os representantes de Bowie se recusaram a comentar o caso, por outro lado, em 1º de agosto deste ano, Eno havia comentado em nota:

“Se os termos “artista de destaque” e “músico de destaque” tiverem algum significado, esse é certamente um caso em que devem ser usados. Robert já estava no topo da lista de “grandes guitarristas criativos” quando trabalhou nesses álbuns, e suas contribuições extraordinárias para eles consolidaram sua posição ainda mais. Eu acho que esse é um conhecimento inteiramente comum entre os músicos e estou realmente muito surpreso por haver qualquer debate sobre isso. Eu sei que as capas de discos não usam essas frases – mas, na época, nenhuma capa de registro fazia! Tanto quanto me lembro, a ideia de “artista em destaque” e “jogador em destaque” surgiu pelo menos uma década depois.”

O próprio David considerou Robert e seu trabalho nesses álbuns da mais alta estima e tenho certeza de que não hesitaria em apoiar sua afirmação de ser considerado um “artista em destaque” “

Faça sua doação para incentivar nossos redatores.

Erro no banco de dados do WordPress: [Table './classofs_wp/wp_comments' is marked as crashed and should be repaired]
SELECT SQL_CALC_FOUND_ROWS wp_comments.comment_ID FROM wp_comments WHERE ( comment_approved = '1' ) AND comment_post_ID = 4001 AND comment_parent = 0 ORDER BY wp_comments.comment_date_gmt ASC, wp_comments.comment_ID ASC

Deixe uma resposta

Fechar Menu